fictional grounds · berru

Thursday, October 20, 2022 - 19:00 to Friday, February 17, 2023 - 19:00

Sala de Exposições da EA

Rua de Diogo Botelho 1327
PortoPorto4169-005
Portugal
Show map

fictional grounds · berru
20 OUT - 17 FEV 2023
Sala de Exposições
SEG-SEX · 14H às 19H
Inauguração: 20 de outubro - 19h
Curadoria: Nuno Crespo



berru são um colectivo de artistas que têm vindo a desenvolver um conjunto de trabalhos baseados não tanto numa ideia de disciplina artística, mas sim numa ideia de exploração de mecanismos, conceitos e materiais muito diferenciados. Trabalham indistintamente com imagens em movimento, escultura, som, new media, sendo que há sempre um elemento performático e muito dinâmico em todas as obras que desenvolvem.

Esse elemento dinâmico acontece quer no momento da concepção das suas obras, quer na experiência que o público faz delas. Não se trata de uma forma de participação ou de activação, mas os dispositivos criados por estes artistas exigem do seu público formas de actividade. A vita contemplativa dá aqui lugar a vita activa em que o público é convocado a acompanhar o processo dinâmico de desenvolvimento das suas obras. As quais não estão imediatamente terminadas, mas são um processo que todos somos chamados a acompanhar e a, de algum modo, finalizar.

A exposição que desenvolveram para a Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa com o título fictional grounds reúne simulações de solos de um território imaginado através das quais se pode procurar vestígios de minerais com potencial energético. As amostras de terra de diferentes origens e com composições variadas, minuciosamente examinadas e armazenadas, são montadas em um plano bidimensional. Não se consegue deixar de pensar na forma como esta exposição, de uma forma crítica e movida pela urgência da catástrofe ecológica actual, estabelece uma relação subtil com o universo dos earthworks (trabalhos com terra) dos artistas pioneiros da Land Art como Robert Smithson, Richard Long ou com a famosa exposição de Walter de Maria quando em 1977 encheu uma galeria de Nova Iorque com 140 toneladas de terra.

Texto de Nuno Crespo

Upcoming Events

29
Nov
18:30
06
Dec
18:30