Conservação e Restauro de Bens Culturais

Doutoramento

O doutoramento em Conservação e Restauro de Bens Culturais foi criado com a ambição de promover o desenvolvimento da investigação avançada no domínio da conservação do património cultural, permitindo a prossecução de estudos avançados para conservadores-restauradores, arquitetos, engenheiros civis, arqueólogos, historiadores de arte ou outros profissionais da área do património e das artes.

a. Características

Curso de banda larga que possibilita o recrutamento de candidatos possuidores de distintos perfis de formação da área das Ciências do Património, promovendo  o cruzamento de olhares e experiências interdisciplinares e transversais.

Corpo docente que agrega especialistas da Escola das Artes e investigadores convidados de reconhecida experiência académica e profissional nas diversas áreas de especialidade do curso.


O plano doutoral trabalha num contexto por natureza multidisciplinar o que permite ter uma oferta de conteúdos programáticos que abrange várias áreas artísticas e de investigação.

Associação à atividade da área foco de Património, Conservação e Restauro do CITAR, classificado como excelente por parte da FCT. Tal classificação, além de representar uma elevada qualidade da investigação, representa também um maior acesso ao financiamento de projetos e teses.

O plano doutoral funciona em pleno na língua Inglesa, o que permite abranger um universo, tanto de doutorandos como de convidados, não limitado pela língua.

A EA e o CITAR mantêm uma parceria muitíssimo forte e dinâmica com as instituições culturais da região norte de Portugal de dimensão artística mundial como a Fundação de Serralves, Casa da Música e Gnration/Braga Media Arts. Estas parcerias permitem aos doutorandos terem um contacto privilegiado da produção contemporânea enquanto observadores e investigadores, tal como lhes permite ter um acesso privilegiado às instituições e programadores enquanto artistas e criadores.

Há uma grande diversidade na proveniência geográfica e cultural, assim como na preparação científica e atividade de desenvolvimento prévia da grande maioria dos doutorandos. Essa diversidade cria uma sinergia e contexto únicos favorecendo o processo de desenvolvimento dos projetos de investigação e artísticos.

A EA com a sua oferta de licenciaturas e mestrados na área, integra os estudantes num ambiente dinâmico e vivo, com oportunidades de desenvolvimento de perfis de competências académicos mais completos.

Apoio à desenvolvimento de investigação aplicada no âmbito teórico prático através do CCD que integra o roteiro FCT nacional de infraestruturas de investigação de interesse estratégico. Além das disciplinas exclusivas, os alunos de doutoramento podem frequentar todas as unidades curriculares oferecidas nas diferentes áreas de especialização do Mestrado em Conservação e Restauro de Bens Culturais, o que permitirá aos doutorandos a obtenção de conhecimentos técnicos e práticos determinantes para o desenvolvimento das suas teses.
 

b. Principais objetivos

  • Plano de Estudos que procura dar resposta aos desafios que atualmente se colocam à investigação nos domínios da conservação e restauro e gestão do património cultural.
     
  • O aluno é incentivado a construir o seu percurso de investigação enquadrado numa estrutura curricular mais flexível, mas geradora de competências fundamentais para a realização de um trabalho final de tese doutoral inédito e cujos resultados se repercutam nas comunidades científica e profissional.

c. Bolsas

Adequadas à situação de cada candidato que pode solicitar o estudo do seu caso e avaliar as possibilidades de apoio de que dispõe. 

d. Queres conhecer a Escola?

Margarida Dinis
mdinis@ucp.pt
226 196 275

Contactos

Contactos Cursos

Serviços Académicos
sa.porto@ucp.pt


Student Care
Margarida Dinis
mdinis@ucp.pt
22 619 62 75



Apoio a candidaturas
candidaturas.porto@ucp.pt
939 450 000