Catedrático da Escola das Artes é o Comissário da Candidatura de Viana do Castelo a Capital Europeia da Cultura 2027

Sexta-feira, August 20, 2021 - 08:20

 

 

Gonçalo Vasconcelos e Sousa, professor catedrático e presidente do Conselho Científico da Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa, foi a personalidade escolhida para comissariar a candidatura de Viana do Castelo Capital Europeia da Cultura 2027. Professor da Escola das Artes desde 1997 e aí coordenador científico da Licenciatura em Arte - Conservação e Restauro e do Doutoramento em Estudos do Património, Gonçalo Vasconcelos e Sousa é um Historiador da Arte e investigador ligado a várias temáticas do Património Cultural, tendo sido eleito por unanimidade, em julho de 2021, presidente da Federação de Amigos dos Museus de Portugal.

Para Gonçalo Vasconcelos e Sousa, em entrevista ao Jornal de Notícia, “Um dos pilares fundamentais é o mar e a relação de Viana com a água, desde o passado, à sustentabilidade e energias renováveis. Também há um toque de ciência e de modernidade. De[1] pois há outro eixo que é o da identidade. Há muitos referenciais nacionais que aportam a Viana. O traje, as festas e até o chamado ouro de Viana, que nem é de cá, mas é usado em grande quantidade. E os ofícios. Os grandes estucadores, por exemplo, são de freguesias de Viana.”

A candidatura de Viana do Castelo a Capital Europeia da Cultura 2027, com o mote “Viana, um mar de Cultura”, será formalizada a 23 de novembro e conta com o apoio de personalidades como o escritor Valter Hugo Mãe e o chef Hélio Loureiro.

 

Cursos nesta área