O "catalogue raisonné" dos filmes de Julião · Crítica do Público

No suplemento Ípsilon do jornal Público da passada sexta-feira, Luísa Soares de Oliveira atribuiu cinco estrelas numa crítica ao livro Julião Sarmento – The Complete Film Works. 
 
"Entre Julho e Outubro de 2019, a Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa — que tem desenvolvido uma dinâmica actividade expositiva —, apresentou uma retrospectiva da filmografia completa de Julião Sarmento. A exposição já previa a publicação do livro que agora é dado à estampa. Julião Sarmento, que foi sempre mantendo a produção de vídeos durante toda a sua carreira (embora com hiatos importantes), previa também realizar um filme nos meses que se seguiram ao encerramento desta mostra. A morte inesperada, depois de escassos meses de uma doença impiedosa, interrompeu esse projecto, do qual nunca chegou a falar em pormenor com o curador da exposição (e editor deste livro), Nuno Crespo."Ler a crítica completa aqui. 
 
O livro dedicado a Julião Sarmento, editado por Nuno Crespo e desenhado por Pedro Falcão, reúne todas as 51 obras em imagem em movimento que Julião Sarmento produziu ao longo da sua carreira e é editado pelo Centro de Investigação em Ciência e Tecnologia das Artes (CITAR) da Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa e pela Documenta – Sistema Solar, com textos inéditos de Delfim Sardo, administrador do CCB com o pelouro da programação, Kerry Brougher, diretor fundador da Academy Museum of Motion Pictures em Los Angeles, e Chrissie Iles, curadora do Whitney Museum of American Art, de Nova Iorque. O livro conta ainda com um portefólio fotográfico de Carlos Lobo e uma entrevista de Nuno Crespo e João Pedro Amorim com o artista sobre o seu trabalho em imagem em movimento.
 
Este livro resulta de uma colaboração com Julião Sarmento iniciada em 2017 com a exposição “Julião Sarmento. Film Works”, e foi lançado oficialmente no LUX Frágil, no dia 4 de novembro de 2021, data de aniversário do artista.

 

pt
11-04-2022