João Pais Filipe e Jorge Queijo

EA DASHED CONCERT #4

Mais Informações

FICHA TÉCNICA

Curadoria e Produção
Diogo Tudela, Francisco Pais Rodrigues, Rui Vieira e Vasco Carvalho

Direção de Arte e Fotografia
Diogo Tudela e Rui Vieira

Design
Joana Pestana

Captação de Imagem e Edição
João Pereira

Captação de Som e Mistura de Concerto
Miguel Canelhas

Assistência Técnica
Benjamim Pires, Duarte Maltez, Luana Cardoso, Mariana Rocha e Nuno Fonseca

 

31 MAR 2022, 19h30 | AUDITÓRIO ILÍDIO PINHO

João Pais Filipe é baterista, percussionista e escultor sonoro nascido no Porto nos anos 80. Sua trajetória como músico é marcada pela colisão com uma ampla gama de estilos e linguagens. A sua música surge da construção de gongos, címbalos e outros instrumentos metálicos de percussão, a partir dos quais explora as dimensões escultóricas e as propriedades acústicas do instrumento. Como artista solo, persegue uma exploração das tensões que podem ser criadas entre o mecânico e o orgânico, a repetição e o loop, a pista de dança e o mantra.
 
Jorge Queijo é multi-instrumentista, improvisador, compositor e produtor. Estudou percussão clássica e é licenciado em Jazz pela ESMAE e mestre em Music Leadership pela Guildhall School of Music and Drama. Seus encontros musicais desenvolveram seu gosto por composições contemporâneas, rock, thrash metal, jazz, free jazz, improvisação, minimalismo, música gamelan e formas de música drone profunda. Sua produção inclui encomendas musicais para dança, teatro e exposições, além de seus discos solo e instalações sonoras.


Os EA DASHED CONCERTS são momentos concentrados de máxima potência sonora. Estes concertos, promovidos e organizados pela Escola das Artes, com a duração de 15 a 20 minutos, serão o local onde todos os meses músicos e bandas convidadas de diferentes origens geográficas e artísticas irão apresentar o seu trabalho. As gravações dos concertos e performances ficam disponíveis no canal de YouTube da Escola das Artes.