José Alberto Gomes apresenta trabalho em Serralves no programa O Museu Como Performance

José Alberto Gomes, professor da EA e investigador do CITAR, integra a programação da edição de 2020 de O Museu Como Performance, com a instalação/performance Auto-Retrato.

Este programa de Serralves, já na sua 6ª edição, questionará durante dois dias o lugar da performance dentro do Museu, convocando artistas e trabalhos que oferecem um conjunto de encontros e cruzamentos disciplinares entre performance, dança, música, instalação, desenho, escultura e cinema.

Auto-Retrato é um trabalho de José Alberto Gomes composto para/com o performer João Dias, situado no espaço indefinido entre a instalação e a performance, e em que estes dois universos se complementam. Abolindo a separação entre estrutura musical e tempo performativo, explora um momento sensorial composto de intensidades extremas, em que são testados os limites do performer e a ilusão das suas fraquezas.
 
A apresentação terá lugar no Auditório da Fundação, às 15h00 do dia 13 de setembro.
 
 
Cursos nesta área