Investigação e Criação Artística no Cinema de Animação

21.05.2019 14:30

Ao clicar aqui, o conteúdo irá ser traduzido pelo Microsoft Translator.
By clicking here, the content will be translated by Microsoft Translator.

21.05.2019 14:30 Investigação e Criação Artística no Cinema de Animação Link: http://artes.porto.ucp.pt/pt/central-eventos/investigacao-e-criacao-artistica-no-cinema-animacao

Como Chegar / How to Arrive
Universidade Católica Portuguesa - Porto
Com Pedro Serrazina, David Doutel e Vasco Sá
21 MAI · Auditório Ilídio Pinho
 
É Preciso que eu Diminua (2016), Pedro Sarrazina para Samuel Úria · Agouro (2018) David Doutel e Vasco Sá
 
Mostra de filmes e conversa com Pedro Serrazina (realizador de animação, professor na Universidade Lusófona) e David Doutel e Vasco Sá (realizadores de animação), sobre as possibilidades e saídas criativas no Cinema de Animação em Portugal, tanto no âmbito da criação e produção de filmes, como na investigação académica.
 
Alguns dos temas a serem abordados passam pelos diferentes cargos artísticos na animação, aos tipos de projetos (cinema, instalações, video-clips), bem como a produção e financiamento de filmes. Haverá ainda espaço para se falar da investigação na animação, contribuição para o desenvolvimento do conhecimento e formação das novas gerações de animadores.
 
Notas Biográficas
David Doutel nasceu no ano de 1983 na cidade do Porto. Licenciou-se em Som e Imagem pela Universidade Católica do Porto com especialização em Animação. Nos últimos 10 anos desenvolveu o seu percurso no cinema de animação de autor, trabalhando como realizador, animador e diretor de produção. Parte integrante de equipas artísticas e de produção, contribuiu para a criação de inúmeras curtas-metragens de animação premiadas e selecionadas regularmente em festivais internacionais de cinema. Colabora desde o início do seu percurso com Vasco Sá com quem partilha a experiência de realização de 3 curtas-metragens de animação: O Sapateiro (2011), Fuligem (2014) e mais recentemente Agouro (2018), uma co-produção entre Portugal e França. Tem colaborado com a produtora Bando à Parte desde 2011, onde em conjunto com Vasco Sá tem sido responsável pela direção de produção de animação.
 
Pedro Serrazina é realizador de animação, premiado em inúmeros festivais, bem como docente e investigador na Universidade Lusófona de Lisboa, onde se doutorou. A sua tese reflete sobre o Espaço Animado e o uso de animação tradicional como ferramenta de perceção de património individual, social e cultural. Desenvolve trabalho para cinema de animação, site-specific e instalações, bem como video-clips, workshops e projetos académicos. Os temas que aborda vivem das relações entre a arquitetura, espaço público e animação. Formou-se no Royal College of Art em Londres, onde mais tarde foi coordenador da licenciatura em Animação na UCA Maidstone. Atualmente está a preparar a sua nova curta-metragem de animação What Remains of Us.
 
Vasco Sá nasceu no Porto em 1979. De raízes transmontanas, passa os seus primeiros dezoito anos em Trás-os-Montes, mudando-se então para o Porto, onde se licencia em Som e Imagem pela Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa. Neste contexto conhece David Doutel, com quem tem partilhado vários projetos no universo do Cinema de Animação, nomeadamente a realização das curtas-metragens O Sapateiro (2011, PT/ES) e Fuligem (2014, PT) - distinguidas com vários prémios a nível nacional e internacional - e de Agouro (2018, PT/FR), o mais recente trabalho. Para além deste percurso no âmbito da realização, tem integrado a equipa de diversos projetos cinematográficos de diferentes autorias, tanto na vertente artística como na de produção. Colabora, desde 2011, com a produtora Bando à Parte, onde exerce funções de realização e direção de produção, conjuntamente com David Doutel. Gosta de ver os montes à sua frente.